Bilhetagem Eletrônica e-Dinheiro

Acesso via cartões ou SmartPhone

Uma inovação tecnológica agora disponível no Brasil.

A Moneyclip realizou um grande salto no que diz respeito aos meios de pagamento para bilhetagem eletrônica de transporte urbano, criando o módulo exclusivo para empresas de ônibus, transporte alternativo ou vans que queiram ter total controle da arrecadação da sua empresa. Com esse sistema o usuário do sistema de transporte coletivo pode realizar o acesso de duas formas:
⚬   Cartôes NFC, de contato, e fácil manuseio para entrar dentro dos ônibus, vans ou transporte coletivo.
⚬   Celular Smartphone, com todas as funções do cartão NFC, porém com as vantagens da tecnologia Moneyclip, com funções tais como:
⚬   Extrato em tempo real
⚬   Pagamentos rápidos utilizando a Internet do celular.
⚬   Transferência de valores entre celulares ou para um cartão NFC.
Além disso, o usuário consegue visualizar aonde o coletivo se encontra em tempo real. Em tempos no qual sistemas como o Uber se popularizam, a Bilhetagem Eletrônica E-Dinheiro leva às empresas de transporte melhorias nos serviços disponibilizados à população. O usuário agora não irá precisar esperar muito tempo na parada, pois ele saberá com exatidão aonde se encontra cada coletivo, ônibus ou van. A empresa de transporte urbano tem acesso em tempo real de todo pagamentos realizados, podendo saber o faturamento de cada coletivo e assim ter maior controle da operação. Algumas das vantagens:
⚬   Gestão financeira para a empresa de transporte urbano;
⚬   Localização de frota por GPS;
⚬   Controle em tempo real da posição e faturamento de cada linha;
⚬   Validador com tecnologia NFC, instalado dentro do veículo;
⚬   Controle de fluxo na catraca;
⚬   Integração total entre o ônibus e o centro de controle da concessionária em tempo real;
⚬   Identificando gratuidades, passes de estudantes, vale transporte e pagantes em dinheiro vivo;
⚬   Combate a fraudes com alta tecnologia de criptografia nos cartões.
⚬   Controle de acesso personalizado podendo informar por exemplo quantas vezes o usuário pode utilizar o seu cartão para entrar no coletivo.